23 C
Loanda
Quinta-feira, Junho 13, 2024
Mais
    InícioPolíticaLUNDA NORTE PODE ATINGIR MAIS DE UM MILHÃO DE HABITANTES EM 2024

    LUNDA NORTE PODE ATINGIR MAIS DE UM MILHÃO DE HABITANTES EM 2024

    Date:

    Artigos relacionados

    VISITA DO PR FAZ MANCHETE EM GABORONE

    PR João Lourenço realiza uma visita de Estado ao...

    TÉTE ANTÓNIO PARTICIPA DA PASSAGEM GRADUAL DA PRESIDÊNCIA ROTATIVA DA CPLP

    O chefe da diplomacia angolana, Téte António, está na...

    MED REAFFIRMS COMMITMENT TO TRANSFORM THE EDUCATION SYSTEM The Minister...

    CPLP APONTA REFORÇO DA COOPERAÇÃO NO COMBATE À CIBERSEGURANÇA

     Os ministros das Comunicações da Comunidade dos Países de...

    O SECTOR DOS TRANSPORTES  VALORIZA  PARCERIA BRASILEIRA EM ANGOLA

     O ministro dos Transportes, Ricardo D'Abreu, enalteceu a cooperação...
    spot_imgspot_img

    A população da província da Lunda Norte poderá atingir um milhão e 150 mil em 2024, segundo as projecções do Instituto Nacional de Estatísticas (INE).

    O registo estatístico de 2014, a segunda operação censitária que o país realizou, indicava que a província da Lunda Norte tinha, na altura, 862 mil e 566 habitantes.

    Na abertura da formação dos 189 agentes de campo, que vão assegurar o Censo Piloto naquela circunscrição, o chefe dos serviços provinciais do INE, Leão Mucazo Cazade disse que na primeira fase o registo estatístico vai decorrer em 115 secções censitária urbanas e 57 rurais, sendo 25 da comuna de Canzar (município Cambulo) e 90 no Luachimo (Chitato).

    Para além dos agentes de campo, a operação contará com 23 assistentes técnicos provinciais, municipais e comunais que terão a responsabilidade de formar os agentes de campo que procederão a recolha de dados a partir do dia 7 de Agosto.  

    Dos 189 agentes de campo em formação a partir de hoje, serão seleccionados apenas 172 que farão o trabalho de recenseadores e supervisores, sendo 146 no município de Chitato e 25 no Cambulo.

    O Censo Piloto vai decorrer entre 19 de Julho a 19 de Agosto nas províncias do Bengo, Bié, Cuando Cubango, Cunene, Luanda, Lunda Norte e Uíge, com o intuito de se testar o nível de prontidão para a intervenção de todos os procedimentos associados à implementação operativa, logística, técnica-funcional e organizativa, para o êxito do censo geral da população a acontecer em 2024.

    Angola realizou já dois Censos Gerais da população e habitação, nomeadamente em 1970, na época colonial, e em 2014, após a independência nacional, sendo o registo estatístico de 2024, a terceira operação censitária que o país realizará.

    A província da Lunda Norte resulta da divisão da antiga província da Lunda, a 4 de Julho de 1978. Está localizada no Leste do país e é constituída pelos municípios de Chitato (capital política e económica), Cambulo, Caungula, Cuilo, Cuango, Capenda Camulemba, Lucapa, Lubalo, Lóvua e Xá-Muteba.

    Subscreva

    - Never miss a story with notifications

    - Gain full access to our premium content

    - Browse free from up to 5 devices at once

    Mais recentes

    spot_img

    DEIXE UMA RESPOSTA

    Por favor digite seu comentário!
    Por favor, digite seu nome aqui